segunda-feira, 27 de abril de 2020

Primeira etapa: mais de 18 mil idosos são vacinados contra gripe no município

Campanha está na segunda fase, mas maiores de 60 anos e profissionais de saúde que não se vacinaram ainda podem procurar o serviço. Ministério da Saúde fez mudanças na terceira etapa

Mais de 18.100 idosos já foram vacinados contra gripe este ano em Patos de Minas, número que representa 86% da população maior de 60 anos estimada pela Secretaria Municipal de Saúde (21 mil). Levando em conta dados do último Censo Demográfico do IBGE (2012), no qual os idosos no município somam 16.778, o percentual de vacinados supera os 107%.

Quanto aos profissionais de saúde, são mais de 6.130 vacinados até o momento. Esse grupo e os maiores de 60 anos foram públicos-alvo da primeira fase da Campanha Nacional de Vacinação contra a Influenza. No entanto as pessoas que compõem esses grupos e ainda não receberam a dose devem procurar as unidades básicas de saúde.

A segunda etapa da campanha acontece desde 16 de abril, abrangendo doentes crônicos (hipertensos com comorbidades, diabéticos, cardiopatas, asmáticos), profissionais das forças de segurança e salvamento, caminhoneiros, profissionais de transporte coletivo (motoristas e cobradores), povos indígenas, população privada de liberdade (incluindo adolescentes) e funcionários do sistema prisional.

Mudança - Em decisão recente, o Ministério da Saúde ampliou a duração da campanha, dividindo a terceira etapa em dois períodos:

9 a 17 de maio: pessoas com deficiência, crianças de 6 meses a menores de 6 anos, grávidas e mães no pós-parto (45 dias);
18 de maio a 6 de junho: adultos de 55 a 59 anos de idade e professores de escolas públicas e privadas.

Proteção e distribuição - A vacina, composta por vírus inativado, protege contra os três vírus que mais circularam no Hemisfério Sul no ano passado: Influenza A (H1N1), Influenza B e Influenza A (H3N2). Ela não protege contra o coronavírus, mas auxilia os profissionais de saúde na exclusão do diagnóstico, uma vez que os sintomas são parecidos entre as duas doenças, além de minimizar o impacto sobre os serviços de saúde.
Toda semana, o Ministério da Saúde envia novas remessas de lotes da vacina aos estados, conforme entrega do laboratório parceiro, o Instituto Butantan. Os estados são responsáveis por fazer a distribuição aos municípios, e essa distribuição é gradativa, motivo pelo qual a Prefeitura de Patos de Minas não consegue oferecer o atendimento continuado. As datas de vacinação estão sendo divulgadas conforme as doses chegam à cidade.

A meta do Ministério da Saúde é, até o fim da campanha, vacinar pelo menos 90% de cada um dos grupos prioritários das três etapas.

Fonte: Prefeitura Municipal de Patos de Minas
Compartilhe:

Vereador Lásaro Borges

Autor & Editor

Lásaro Borges é vereador em Patos de Minas - MG, atuante no meio político a mais de 15 anos, ele sempre trabalhou em prol da população, já foi líder comunitário, presidente de bairro, como cidadão lutou por diversas causas sociais e atualmente exerce o papel de representante do legislativo patense, para saber mais sobre Lásaro Borges, clique aqui.

0 comentários:

Postar um comentário

2016 Portal Lásaro Borges - desenvolvido com tecnologia Blogger Templates By Templateism | Templatelib