.

.

Notícias

quinta-feira, 4 de março de 2021

Luta pelo retorno da Unidade Básica de Saúde do Abner Afonso.

Vereador Lásaro Borges

Em tempos de pandemia, continuamos o nosso trabalho pelo retorno da Unidade Básica de Saúde do Abner Afonso.

Temos o imóvel e estamos mobilizando todos as autoridades envolvidas.


Estado decreta Onda Roxa obrigatória para Patos de Minas e região

Vereador Lásaro Borges

Nesta quarta-feira (03), o governador de Minas Gerais, Romeu Zema (Novo), confirmou em coletiva de imprensa, a criação da onda roxa no programa Minas Consciente. A nova onda é a mais restritiva do plano e equivale a um lockdown.

A macrorregião Noroeste, na qual Patos de Minas está inserida, junto com a Macrorregião Noroeste, são as primeiras regiões de Minas classificadas na nova medida.

A decisão terá validade de 15 dias, e será obrigatória mesmo para as cidades que não tenham aderido ao programa.

“Estamos falando do colapso da rede de saúde na região. Não é um problema municipal mais. É um problema regional. A prefeitura (das cidades) que estiver na região da onda roxa terá duras restrições quanto às atividades econômicas e horários”, explicou o governador.

A pouco mais de um mês o governo de Minas Gerais flexibilizou as regras do programa Minas Consciente, a chamada fase 3 do plano.

Durante pronunciamento o governador de Minas Gerais, inclusive citou a cidade de Patos de Minas e o nome do prefeito Luís Eduardo Falcão.

Desta forma, a circulação de pessoas e veículos nas localidades fica limitada a serviços essenciais (supermercados, mercearias, padarias, fornecimento de combustíveis, energia e água, oficinas mecânicas, empresas de TI e telecomunicações, construção civil, indústria essenciais (como de alimentos), lavanderias, funerárias, correios e imprensa). Entre 20h e 5h, haverá toque de recolher. Pessoas sem máscara não poderão frequentar espaços públicos ou de uso coletivo. Indivíduo com sintomas de gripe, a não ser para consultas médicas, também não podem circular pelas ruas. Eventos com aglomerações, ainda que com caráter familiar, estão proibidos. Na Onda Roxa também haverá barreiras sanitárias e as forças de segurança, incluindo a Polícia Militar, estarão nas ruas para garantir o cumprimento das medidas. Os policiais orientarão e em caso de desobediência poderá haver condução/prisão. Multas também poderão ser aplicadas dentro do que prevê a legislação.

Onda Roxa:

- Suspensão das Cirurgias Eletivas;
- Circulação de pessoas apenas para atividades essenciais;
- Toque de Recolher – 20h às 05h;
- Máscara Obrigatória;
- Pessoas com sintomas de gripe não poderão circular;
- Proibição de reunião presenciais, inclusive familiares;
- Todos os eventos estão proibidos;
- Implantação de Barreiras Sanitárias;
- Bares e Restaurantes apenas no delivery.

As medidas passam a valer a partir desta quinta-feira, 4 de março.

Confira a publicação no Diário Oficial

Fonte da matéria: Clube noticias

Profissionais da saúde cadastrados entre os dias 04 e 09 de fevereiro serão vacinados

Vereador Lásaro Borges

Mais um grupo de trabalhadores da saúde cadastrados na plataforma digital da Prefeitura de Patos de Minas estão sendo convocados para vacinar-se contra Covid-19 esta semana. Esse público será atendido no CEAE, antigo Viva Vida (Rua Henrique Cota, 84, Bela Vista). O cronograma está definido da seguinte forma:

Dia HorárioPúblico-alvo
4/3 (quinta-feira) 
18h30 às 21h30
1ª dose para cadastrados nos dias 4, 5 e 6 de fevereiro
5/3 (sexta-feira) 18h30 às 21h301ª dose para cadastrados nos dias 7 e 8 de fevereiro
6/3 (sábado) 8h às 11h1ª dose para cadastrados no dia 9/2
6/3 (sábado)11h30 às 15h2ª dose para vacinados nos dias 19 e 20/2


A convocação está sendo enviada ao e-mail dos cadastrados; caso alguém não a receba pode mesmo assim dirigir-se ao CEAE no dia e horário determinados, portando os documentos necessários

Os trabalhadores que receberão a primeira dose devem levar DOCUMENTO COM FOTO e CPF, CARTEIRA DE TRABALHO/CONTRACHEQUE/HOLERITE (pode ser contrato de trabalho caso não tenha nenhum dos dois documentos anteriores) e CARTEIRA DO CONSELHO DE CLASSE. Aqueles que possuírem cartão de vacina devem levá-lo também. 

Para profissional autônomo, a documentação é a seguinte:

  • proprietário do estabelecimento: documento com foto e CPF; carteira do conselho de classe; alvará sanitário ou alvará de localização;
  • aluga sala em um estabelecimento de saúde: documento com foto e CPF; carteira do conselho de classe; alvará do estabelecimento; contrato ou declaração do proprietário de locação da sala;
  • atendimento domiciliar: documento com foto e CPF; carteira do conselho de classe e alvará de localização.

NÃO SERÁ no modelo drive-thru. Portanto, durante a espera, os envolvidos devem manter distância de 3m entre si e respeitar as demais medidas de segurança.

Fonte da matéria: Clube Notícias

quarta-feira, 3 de março de 2021

Melhoria do abastecimento de água na região norte de nossa cidade

Vereador Lásaro Borges

Continuamos nossa luta, junto à Copasa, pela melhoria do abastecimento de água na região norte de nossa cidade - Alvorada, Nossa Senhora de Fátima, Itamarati, Barreiro e outros adjacentes.

Vejam resposta da Companhia, referente à instalação de mais reservatórios.


Falcão confirma Patos de Minas no consórcio para compra de vacinas contra Covid-19

Vereador Lásaro Borges

O prefeito de Patos de Minas, Luís Eduardo Falcão, assinou, na tarde desta terça-feira (2), a manifestação de interesse na adesão de um consórcio público para  adquirir doses das vacinas contra o coronavírus, caso haja descumprimento do Plano Nacional de Imunização (PNI). 

Organizado pela Frente Nacional de Prefeitos (FNP), o consórcio tem o objetivo de estabelecer uma alternativa técnica e juridicamente segura para aquisição dos imunizantes, além de poder, eventualmente, negociar melhores preços, prazos e condições contratuais. 

A adesão ao consórcio público precisa ser aprovada pela Câmara Municipal de Patos de Minas, por meio de projeto de lei de autoria do Executivo local. Tornando-se lei, esta será apresentada no final do mês de março à FNP. Não há previsão para o início da compra dos imunizantes. 

Andamento – A vacinação em Patos de Minas teve início no dia 19 de janeiro, quando as primeiras doses foram disponibilizadas pelo Governo federal e atenderam aos profissionais da linha de frente no enfrentamento à Covid-19. Com a chegada de mais vacinas, a campanha avança nos grupos prioritários, e esta semana estão sendo atendidos idosos de 85 a 89 anos. Acamados de 80 a 84 anos também começarão a receber a primeira dose nos próximos dias, vindo, na sequência, os não acamados nessa faixa etária. 


Fonte da matéria: Prefeitura de Patos de Minas

Covid-19: médica faz campanha para arrecadar livros e palavras cruzadas para pacientes do Hospital de Campanha

Vereador Lásaro Borges


Como os pacientes têm as visitas restritas, o material doado pode ajudá-los a distrair-se durante o período de hospitalização

O isolamento no ambiente hospitalar tem sido motivo de ansiedade para pacientes acometidos pela Covid-19. Pensando nisso, a coordenadora do Samu e plantonista do Hospital de Campanha, a médica Naiani Silveira Moreira Pereira, iniciou uma campanha para arrecadar livros, revistas, gibis, palavras cruzadas e outros materiais de leitura para internados na unidade. 

“O dia a dia de nenhum paciente hospitalizado é fácil, mas, como a pessoa com Covid-19 tem as visitas restritas, é ainda mais difícil para ela. O uso do celular facilita o acesso às notícias da doença, na maioria negativas, e isso também aumenta a ansiedade. Ocupar o tempo dela com a leitura, uma palavra cruzada, ajudará bastante”, conta Naiani Silveira, ao explicar o objetivo da campanha.

Segundo ela, as doações podem ser deixadas na Clínica Apta (Rua Teófilo Otoni, 903, Centro), das 8h às 17h. Os materiais coletados serão devidamente higienizados e levados pela médica ao Hospital de Campanha. Ela vai embalá-los individualmente. Tomando os cuidados exigidos para o momento, equipes da unidade vão distribuí-los aos pacientes.


Fonte da matéria: Prefeitura de Patos de Minas

Cohab realiza campanha de renegociação de dívidas

Vereador Lásaro Borges

No momento, o trabalho é voltado para regularização de imóveis financiados dos bairros Abner Afonso e Sebastião Amorim

A Companhia de Habitação do Estado de Minas Gerais (Cohab), por meio do Programa Cohab Mais Perto, está realizando campanha de negociação emergencial para regularizar a situação de imóveis com débito dos bairros Abner Afonso e Sebastião Amorim. Portanto as pessoas que estejam em situação irregular devem entrar em contato com a companhia pelos números 0800 727 6676 ou (31) 9 8952 2278 (WhatsApp) para renegociar sua dívida. 

Cabe ressaltar que, diante da inadimplência, a Cohab pode ingressar na Justiça para retomar imóveis com débito caso a situação não seja regularizada. Salienta-se ainda que os inadimplentes também poderão ser negativados pelos serviços de proteção ao crédito. Por isso a importância de os proprietários buscarem o quanto antes regulamentar sua situação. 

Além dos números disponibilizados, é possível entrar em contato com a central de atendimento Cohab pelo e-mail cobcef@fiducial.com.br ou via chat pelo endereço eletrônico www.fiducial.com.br. Em caso de dúvidas, também é possível falar com a Diretoria de Regularização Fundiária do município pelo telefone 3822-9019.

Fonte da matéria: Prefeitura de Patos de Minas


IBGE abre processo seletivo para Censo 2021

Vereador Lásaro Borges

Para Patos de Minas é oferecido o total de 158 vagas, distribuídas entre as funções de agente censitário e recenseador

O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) publicou dois editais para contratação temporária de pessoas para atuar na organização e coleta do Censo Demográfico 2021. São oferecidas para Patos de Minas duas vagas de agente censitário municipal (ACM)15 de agente censitário supervisor (ACS) e 141 de recenseador. As inscrições para ACM e ACS já estão abertas e vão até 15 de março. Para recenseador, o período de inscrição vai até 19 de março. Os interessados em participar do processo seletivo devem inscrever-se no site do Cebraspe.

Para concorrer às vagas de recenseador, é necessário que o candidato possua nível fundamental completo. No caso de agente censitário, é exigido ensino médio completo. Ao realizar a inscrição, o candidato poderá escolher a área de trabalho e a cidade na qual realizará a prova. A taxa de inscrição para ACM e ACS é de R$ 39,49, enquanto para recenseador, o valor a ser pago é de R$ 25,77. O pagamento pode ser efetuado pela internet ou fisicamente em qualquer banco ou casa lotérica. 

As provas objetivas acontecerão presencialmente no dia 18 de abril para agente censitário e no dia 25 de abril para recenseador. Com datas diferentes, os candidatos poderão participar dos dois processos seletivos. As provas terão duração de quatro horas, sendo aplicadas no turno da tarde. Protocolos sanitários de prevenção contra a Covid-19 serão divulgados em edital específico que tratará também sobre os locais de prova. Cabe ressaltar que, caso descumpra as medidas de proteção, o candidato será eliminado do processo seletivo e terá sua prova anulada.

As vagas são temporárias, e a previsão de duração do contrato é de três meses para recenseador e de cinco meses para ACM e ACS. Há possibilidade de renovação do contrato de acordo com as necessidades do IBGE e a disponibilidade orçamentária. O salário para agente censitário varia de R$ 1.700 a R$ 2.100 para jornada de oito horas diárias e 40 semanais. Já a remuneração do recenseador será baseada em sua produtividade, levando-se em consideração fatores como a quantidade de residências visitadas e pessoas recenseadas, a taxa de remuneração de cada setor censitário e o tipo de questionário preenchido.

Censo 2020 – Em virtude da pandemia de Covid-19, o recenseamento que aconteceria em 2020 foi adiado e, consequentemente, os processos seletivos para ACM, ACS e recenseador abertos no ano passado foram cancelados. Isso significa que é necessário fazer nova inscrição e pagar a taxa para garantir participação na seleção de 2021. 

Os inscritos no processo seletivo cancelado que não solicitaram reembolso da taxa de inscrição podem fazê-lo por meio da Central de Atendimento do IBGE, pelo telefone 0800 721 8181. É necessário informar nome e CPF para confirmação do cadastro, além de dados bancários (banco, número da agência e conta bancária) em que seja o titular para receber o valor. O IBGE está realizando o reembolso desde maio do ano passado. Em janeiro deste ano, o instituto iniciou a terceira fase de restituição da taxa de inscrição.




Fonte da matéria: Prefeitura de Patos de Minas


terça-feira, 2 de março de 2021

Câmara de Patos de Minas solicita posicionamento da Assembleia Legislativa sobre terceirização do HRAD

Vereador Lásaro Borges

A Câmara Municipal de Patos de Minas enviou nessa segunda-feira (1º), um ofício à Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG), solicitando aos deputados estaduais informações sobre a terceirização do Hospital Regional Antônio Dias no Município de Patos de Minas. A decisão de enviar o documento ao Legislativo Estadual partiu durante uma reunião entre os parlamentares, realizada na última sexta-feira (26/02), no plenário, oportunidade em que discutiram o assunto e entenderam a necessidade de colher mais subsídios sobre o assunto.

Embora a Câmara Municipal e a Prefeitura não tenham competência para interferir em decisões do Estado, o objetivo dos vereadores é compreender a situação e atuar dentro das possibilidades em prol do Município, dos servidores e da população atendida pelo Hospital. Durante a reunião, os parlamentares discutiram os prós e os contras da terceirização; os possíveis impactos com a mudança de gerenciamento, tanto para servidores contratados e efetivos, quanto para a população; atos de corrupção envolvendo algumas organizações sociais e, sobretudo, relatos de servidores do Hospital que se mostram contrários à terceirização.

O ofício enviado à ALMG contextualiza o fato em questão, externando que a Fundação Hospitalar do Estado de Minas Gerais – FHEMIG publicou, no dia 23 de fevereiro de 2021, o Edital 1, para processo de seleção pública de entidade sem fins lucrativos, qualificada ou que pretenda qualificar-se como Organização Social do Estado de Minas Gerais, para celebrar contrato de gestão do Hospital Regional Antônio Dias, localizado no Município de Patos de Minas, com o objetivo de gerenciamento, operacionalização e execução das ações e serviços de saúde, incluindo equipamentos, estrutura, maquinário, insumos e outras atividades e intervenções necessárias ao pleno funcionamento do hospital.

No documento, os vereadores de Patos de Minas salientam que, “em face do referido edital, há uma forte manifestação da população e dos funcionários do hospital contrária a essa terceirização, haja vista que Hospital Regional Antônio Dias - HRAD é uma instituição que assiste 33 municípios da região e é vista por nossa comunidade como um patrimônio pertencente ao povo da nossa região”.

Nesse sentido, a Câmara Municipal de Patos de Minas, por meio dos 17 vereadores, solicita da Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG) um posicionamento sobre o assunto, considerando especialmente as seguintes indagações:

A  Assembleia Legislativa de Minas Gerais está ciente dessa terceirização e/ou já fez algum estudo sobre ela?; Já houve fiscalização por parte da ALMG no Governo do Estado sobre a terceirização? Existe manifestação de algum deputado a respeito do assunto?; Há legalidade nessa terceirização? Quais são os valores financeiros envolvidos? Ela trará economia ou prejuízo para o Estado? A terceirização é viável ou conveniente para o poder Executivo estadual? E, para a população, ela trará benefícios ou malefícios?

Fonte da matéria : Clube notícias 

Doação da Fiemg ajuda na ampliação de leitos do Hospital de Campanha

Vereador Lásaro Borges

Entidade doou seis leitos, seis respiradores e equipamentos para a montagem de UTIs

As vagas para internação no Hospital de Campanha estão sendo ampliadas mais uma vez, e isso está sendo possível com grande esforço da prefeitura e com o apoio da Fiemg, por meio da Regional Alto Paranaíba. A entidade doou seis leitos, seis respiradores e equipamentos para a montagem de UTIs. Os itens chegaram ao município na sexta-feira (26) e estão sendo montados no último andar do prédio onde funciona o HC, área em que serão instaladas dez unidades de terapia intensiva ao todo. 

“Patos de Minas é uma cidade polo que atende pacientes de diversos municípios e, por isso, é fundamental reforçar essa estrutura de forma a se oferecer melhores condições de tratamento aos pacientes que exigem uma atenção especial”, disse o presidente da Fiemg Regional Alto Paranaíba, Lisandro Bicalho. Ele informou que os equipamentos doados foram utilizados no Hospital de Campanha montado em Belo Horizonte, no início da pandemia, com investimentos da indústria mineira, por meio da Fiemg. 

Foram repassados para a Prefeitura de Patos de Minas, os equipamentos avaliados em R$ 129.194,52: três cadeiras de banho; três assentos encosto digitador; três bases giratórias bake sister; seis camas (macas); seis mesas de refeição; seis monitores multiparâmetro (básico); seis prateleiras de aço; três relógios digitais; seis suportes de soro móvel.



Vieram também diversos utensílios de uso diário, como pinças, lixeiras, estetoscópios, ambu, fluxômetros e manômetros. Os seis respiradores representam investimentos de R$ 88.426,44 da indústria mineira, dentro do Projeto Inspirar da Tacom/Fiemg. O transporte dos equipamentos, em veículos especiais homologados pela Anvisa, foi patrocinado pela Patense, indústria de rações sediada na cidade.

Ampliação – O Hospital de Campanha aumentará de 20 para 30 as vagas de UTI, e os leitos clínicos passarão para 35. Segundo a Secretaria Municipal de Saúde, as equipes trabalham para entregar as obras esta semana. “A rede de oxigênio não chegava ao último andar do prédio, pois inicialmente não se previa o uso dessa área. Então estamos levando a tubulação até lá, com apoio da Fepam. Novos profissionais estão sendo contratados, e o mais rápido possível colocaremos os novos leitos para funcionar”, explica a titular da pasta, Ana Carolina Magalhães Caixeta.   


Fonte da matéria : Prefeitura de Patos de Minas

Covid-19: idosos de 89 anos serão vacinados nessa terça-feira

Vereador Lásaro Borges

Idosos de 89 anos cadastrados na plataforma digital da Prefeitura de Patos de Minas estão convocados para vacinação contra Covid-19 nessa terça-feira (2 de março). Eles devem-se dirigir ao prédio do antigo Projeto Saci/Posto Policial (Rua Ouro Preto, 777, Bairro Várzea), próximo ao Cemitério Municipal Santa Cruz. O horário será das 13h30 às 17h.

A aplicação ocorrerá tanto no modelo drive-thru quanto no sistema tradicional (sem carro). Para receber a dose, o idoso deve apresentar documento com foto e CPF. Aquele que possuir cartão de vacina também deve levá-lo.

Na sequência desta semana, idosos de 88, 87, 86 e 85 anos também receberão a primeira dose da vacina contra Covid-19, conforme o cronograma a seguir. O chamamento para vacinação será enviado por e-mail ao público-alvo, mas, caso o idoso não receba, poderá mesmo assim ir ao ponto de vacinação no dia e horário descritos abaixo:


Data
HorárioPúblico-Alvo
2/313h30 às 17hIdosos de 89 anos
3/38h às 11h30Idosos de 88 anos
3/313h30 às 17hIdosos de 87 anos
4/38h às 11h30 e 13h30 às 17hIdosos de 86 anos
5/38h às 11h30 e 13h30 às 17hIdosos de 85 anos
Para todas as idades, a vacinação será no antigo Projeto Saci (R. Ouro Preto, 777), próximo ao Cemitério Municipal

Outra faixa etária – A nova remessa de vacinas enviada a Patos de Minas tem parte destinada também a idosos de 80 a 84 anos. Contudo a quantidade direcionada a esse público é suficiente para atender somente 24% do total de pessoas, e a prioridade serão os acamados.

Segundo a Secretaria Municipal de Saúde, depois de concluir os acamados, os demais idosos serão convocados conforme a disponibilidade de vacinas, começando pelos de 84 anos.


Fonte da matéria : Prefeitura de Patos de Minas

segunda-feira, 1 de março de 2021

Covid-19: 2.310 pessoas serão vacinadas com quinta remessa de vacinas

Vereador Lásaro Borges

Trabalhadores da saúde e idosos de 80 a 89 anos são o público-alvo dos novos imunizantes enviados ao município

O Governo de Minas Gerais recebeu nova remessa de vacinas contra Covid-19 da União e já enviou a quantidade destinada às cidades da região. Patos de Minas tem direito a 2.790 doses, mas 480 delas ficam reservadas para segunda dose. O controle é feito pela Superintendência Regional de Saúde (SRS). 

Do total destinado ao município, 960 são de CoronaVac/Butantan, contando primeira e segunda doses. Assim, essa quantidade é suficiente para atender 480 pessoas, sendo elas na faixa etária de 80 a 84 anos. As 1.830 demais doses, da marca Oxford/AstraZeneca, são para atender 8% de trabalhadores da saúde e 100% dos idosos de 85 a 89 anos. 

Essa divisão de públicos a serem contemplados com a nova remessa foi definida pela SES-MG e será seguida pela prefeitura. A Epidemiologia faz a retirada das 2.310 primeiras doses esta manhã na SRS e, ainda esta semana, começa a convocar os cadastrados na plataforma digital para recebê-las.

Os cadastros devem ser feitos no endereço www.patosdeminas.mg.gov.br/home/vacinacovid.


Fonte da matéria: Prefeitura de Patos de Minas

Cidadão, acesse aqui

  • Prefeitura Municipal Patos de Minas
  • Câmara Municipal Patos de Minas
  • Assembléia Legislativa - MG
  • Portal Brasil
  • Câmara dos Deputados - DF
  • Portal da Legislação
  • Muitos homens devem a grandeza da sua vida aos obstáculos que tiveram que vencer.


    Lásaro Borges

    2016 Portal Lásaro Borges - desenvolvido com tecnologia Blogger Templates By Templateism | Templatelib